Música X Saúde

Quem é que não ouve música quando está no meio de uma atividade física? E na hora de lavar a louça? Pois é! Trata-se de algo realmente essencial para a nossa rotina.

A música, com o tempo, deixa de ser um pequeno hobby e passa a se tornar uma aliada na vida de muitas pessoas. Seguindo isso, e se eu falasse que alguns estudos ao redor do mundo apontaram uma série de benefícios que o som pode gerar para a sua saúde? Neste texto, separei alguns benefícios que a música pote lhe proporcionar. Anotem aí.

O que a musica pode ajudar em sua saúde

Conforme dito anteriormente, existem alguns benefícios interessantes que a rotina música pode disponibilizar. Tais benefícios são:

– Diminuição de estresse

Ouvir as músicas que você mais gosta consegue diminuir consideravelmente os níveis constantes de cortisol, diminuindo naturalmente o estresse. Com isso, é sempre importante lembrar que o estresse é sempre causador de diversas enfermidades, tanto direta quanto indiretamente.

Algumas pesquisas ainda apontaram que as pessoas que conseguem tocar algum instrumento musical, por exemplo, estimulam positivamente o sistema imunológico. Basta você cantar uma simples música no banheiro para sentir-se bem melhor;

– Mais feliz

Alguns estudos também apontaram que suas músicas preferidas conseguem liberar dopamina, substância essencial para causar bem-estar.

Basta somente 10 ou 15 minutos de música para você sentir-se gradativamente mais feliz;

– Qualidade de sono

Quantas pessoas você já conheceu que sofrem de insônia? Bom, você pode não ter percebi, mas muitas pessoas que já passaram por você encontraram esse problema pela frente.

AS músicas eruditas, junto a qualquer outra música em um tom mais relaxante, conseguem estimular o sono muito melhor que qualquer outra opção sonora. Ela estimula o sono de maneira gradual e evita problemas para dormir;

– Totalmente contra a depressão

São mais de milhões de pessoas infelizmente sofrem de depressão ou insônia. Felizmente, o estudo conseguiu observar que os sintomas da depressão diminuíam gradativamente conforme a utilização de músicas preferidas antes de dormir. Quando a música escolhida era da linha erudita, os resultados eram ainda mais fortes;

– Luta contra a dor

Diversos pesquisadores conseguiram descobrir que a terapia da música conseguia reduzir ainda mais a dor do que tratamentos normais, principalmente quando o assunto é o câncer. Alguns outros também perceberam que a música diminui consideravelmente a dor de pacientes que estão no campo da terapia intensiva. Isso também vale para pacientes idosos;

– O terrível trânsito

Quem nunca perdeu a cabeça frente a um terrível trânsito? Bom, esse é o preço por morarmos em uma das maiores cidades do Brasil.

Algumas pesquisas mostraram que a música melhora seu humor durante o trânsito, também chegando na área da concentração e respiração. Nesta fase, é importante lembrar de uma informação: o tipo de música conta muito para o sucesso, considerando que não são todas que funcionam. Músicas calmas, alegres e eruditas podem ser escolhidas neste time;

– Objetivos de emagrecimento

A utilização da música em um ambiente leve e suave consegue ajudar as pessoas a comerem menos. Tudo isso deve-se a falta de ansiedade que a música acaba por proporcionar, afetando diretamente nossas vontades. Caso você queira saber um pouco mais sobre emagrecimento, entre aqui para mais informações.

– Capacidade de aprendizado

A pesquisa dentro de universidades apontou que as músicas ajudam na capacidade de aprendizado, melhorando nossa concentração e capacidade de guardar informações.

Esta entrada foi publicada em Música e vida. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *